Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009
Cansaço

 

Quando o cansaço nos invade temos que o resolver através do descanso ou da ruptura. E seja físico ou não, o cansaço deixa-nos moles, fracos e abatidos, fazendo surgir em nós uma grande vontade de nos refugiarmos longe de tudo e de todos. Sentimos a necessidade de descanso, de tranquilidade, de paz, de calma, de serenidade, de espaço para reflectir, de tempo para recuperar forças, de silêncio que nos acalme ou seja de algo que possa melhorar quer o nosso estado físico quer o nosso estado de alma.

 

Torna-se obrigatório descansarmos, repousarmos, acalmarmos o ritmo e fazermos uma pausa antes de prosseguir o caminho. É o momento de pensar e reflectir antes de continuar. É o momento de recuperar forças ou a calma necessárias para prosseguir o nosso caminho. Ou então fazemos uma ruptura, quebrando o ritmo e rumo que temos trilhado. Fazemos uma mudança para que o caminho que nos tem vindo a cansar passe a ser outro. A ruptura permite-nos parar com aquilo que nos deixa cansados, e mesmo sem tempo para descansar e fazer pausas, conseguimos eliminar o cansaço.

 

Já ouvimos muitas vezes “quem corre por gosto não cansa”. Esta expressão reflecte que quando gostamos do que fazemos acabamos por não sentir o cansaço físico. Mas este sentimento de cansaço é atenuado pela inexistência de cansaço psicológico. Podemos sentir o cansaço físico, mas se gostamos do que fazemos, dificilmente nos deixamos abater ou nos cansamos de fazer o que temos pela frente.

Precisamos de pausas e de descansar, mas as rupturas não são necessárias! Porque gostamos do que fazemos, ou seja corremos por gosto, corremos por coisas que nos são importantes!

 

Nas últimas semanas tenho “corrido por gosto” mas nestes últimos dias acabei por acusar “um cansaço” que me obrigou a abrandar o ritmo. É rara a semana que não chegue a 6ªfeira completamente de rastos, mas no fim de semana durmo mais uma horas e o equilibrio fica assegurado para os próximos dias da semana que se segue.

 

Este fim de semana foi estranho e fez-me re-pensar a forma de “corrida” que tenho imprimido na minha vida ao longo dos últimos anos. Passei a minha tarde de Sábado no IPO. A minha cunhada foi operada a um cancro e embora tenha corrido tudo bem e ela ser uma força da natureza, pela força e pela coragem que a caracterizam, não consegui evitar vir de lá psicologicamente abatida. Este cansaço que sinto é uma gota no cansaço de sofrimento que muitos passam no combate a uma doença. Quando nos queixamos que andamos cansados ou abatidos devemos faze-lo com um sorriso nos lábios, porque afinal falamos de um cansaço fisico, perfeitamente soluccionável e que depende exclusivamente de nós...

 

E apesar das nuvens de cansaço que sobre mim pairam... é no céu azul que continuo em busca do meu sorriso e da minha energia!

 

Desejos de uma óptima semana :)

 

Ps: desculpem ainda não ter respondido aos comentários dos últimos posts. Bem haja aos que me acompanham e mesmo virtualmente não deixam de fazer parte do tal "céu azul", tão responsável pela minha energia positiva. Beijinhos Doces

  

 



publicado por Sheila às 01:05
link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De cuidandodemim a 26 de Outubro de 2009 às 17:10
Eu corro por gosto às visitas aqui ao teu blog :)
E concordo contigo, não há cansaço que se equipare à doença, por isso, apesar de cansados, se estivermos sãos, vamos descansar para termos energias para voltar de novo a correr por gosto :)
Bjns


De cumplicedotempo a 26 de Outubro de 2009 às 19:32
E este teu cantinho tão bem se encaixa neste tema , pois falo por mim , que nas visitas que te venho fazendo paro e absorvo cada palavra , cada texto cada cumplicidade que tu tão bem me sabes presentear nesta tua maneira de ser tão especial
e que reconfortante são estes momentos , balsamo e tónico que me retempera e me liberta do cansaço
esta uma forma de eu aqui descansar e ganhar novas forças para o enfrentar de cada dia , ou tão somente no libertar de cada noite , para na companhia da tua inspiração me entregar ao merecido descanso de uma noite bem dormida
e assim desta forma especial que não me canso de dizer o quanto me enche de alegria ter te deste modo virtual conhecido :)

bem haja para ti e para os teus , e espero que a tua cunhada tenha a força necessária para ultrapassar esse cancro , mas tenho certeza que no apoio que ela obtém de todos vocês , não lhe será difícil :)

beijo cúmplice :)


De Sheila a 27 de Outubro de 2009 às 01:12
Meu querido amigo e tão cúmplice nos meus "devaneios" :)))
Desde que me conheço sempre vivi intensamente. Já o disse anteriormente, que sou uma pessoa noctivaga por natureza, que durmo habitualmente poucas horas durante a semana e estico um pouco a corda em relação ao meu bem estar fisico. Este Sábado foi particularmente dificil. Acho que sempre que vamos a um Hospital é inevitável que não se venha diferente, pelo menos sabemos que é um sitio para onde "rezamos" não ir parar. Confesso que vim para casa de rastos. Não tenho por hábito pensar em doenças, mas tenho consciência que mais dia menos dia algo aparece e a vida coloca-nos à prova. Isso assusta-me e infelizmente é algo que não controlamos. Por outro lado é curioso que por mais receio que tenha do "desconhecido" e como mãe seria a primeira a passar por algo doloroso em vez da minha filha. Contraditório não é? Mas ao mesmo tempo poderá ser por aqui que se possa medir a nossa força interior, quem sabe!
A minha cunhada tem sido uma fortaleza por toda a familia mais directa. Nos últimos dois meses tenho andado tão absorvida com o trabalho que nem sempre foi possível dar todo o apoio. Agora foi mais uma etapa ultrapassada. Depois de 4 meses de quimio, ela tirou um dos peitos e agora inicia-se uma outra fase, creio eu bem mais complicada, mas na vida só não há resolução para a morte e por isso e com a ajuda, apoio e carinho de todos, toda esta situação será um dia recordada porque foi ultrapassada.
obrigado pelo teu carinho amigo e também eu te digo que tens sido um apoio muito importante e cumplice no meu dia a dia, e é um prazer ter-te na minha vida.
Muitos beijinhos doces & cúmplices com carinho


De Sheila a 27 de Outubro de 2009 às 00:51
és uma doçura amiga.
Obrigada :)
Mesmo cansados é sempre muito bom correr por gosto, porque nos sentimos vivos e com energia mental para isso! Se um dia aparecer a doença, pelo menos não nos tirou a força de viver até então e ao termos vivido a sério e com gosto, mesmo que cansados, mentalmente adquirimos uma força tal capaz de vencer!
Beijinhos doces


De Selene a 26 de Outubro de 2009 às 19:26
Antes de mais quero dizer que sinto muito que a tua cunhada tenha um cancro, infelizmente hoje em dia é o que mais se ouve falar, eu própria passei por três casos seguidos na família...Ainda bem que ela tem força, se Deus quiser será essa força que a irá ajudar a curar.
Eu sinto muito cansaço, diria que sofro do cansaço, e o meu cansaço é muito físico provavelmente devido à minha coluna, tem dias que até custa andar mas também tenho cansaço emocional. Porque faço o que não gosto e não estou feliz. Mas realmente o que é isto em compração a uma doença? É por isso que aguento, pela esperança, pela graça de não ter uma doença mais grave e para ter o meu pouco dinheiro ao fim do mês...
Deves andar mesmo cansada, tenho sentido a tua falta por aqui, e ainda bem que consegues recuperar no fim-de-semana... Cuida de ti, mts beijinhos doces.


De Sheila a 27 de Outubro de 2009 às 01:27
Minha doce amiga :)
Já tinha saudades de falar contigo.
Todos esperamos que o cancro tenha sido removido, ela ainda vai fazer mais duas ou três sessões de quimio para assegurar que o "bichinho" não tenha deixado marca noutro lado. Estou convencida que vai tudo correr bem, que pela força dela só esse poderá ser o desfecho de mais uma prova de vida!
No teu caso linda, tu convives diariamente com uma dor fisica que também te afecta e é normal que isso te afecte o dia a dia. Tens que continuar a ter a tua força interior, nunca deixar de acreditar que as tuas dores poderão passar e que vais ultrapassar. O cansaço emocional todos sentimos, basta que algo aconteça e que nos afecte. O nosso estado de espírito precisa de ser alimentado por nós. Eu posso sentir-me cansada fisica ou emocionalmente, mas tenho que fazer alguma coisa por mim. Para já basta parar, obrigar-me a descansar, obrigar-me a fazer coisas diferentes, nem que seja para sentir de novo aquela força tão necessária para continuar o caminho. Raramente consigo estar sem fazer nada, mas estas últimas noites tive necessidade de ficar simplesmente pelo sofá, esquecer os meus pensamentos, o meu trabalho e focar-me noutras coisas que me fazem falta, como ler uma revista, ver filmes, fazer zapping pela TV ou jogar jogos com a minha filha. O facto de ter ido ao IPO fez-me ver o quanto tenho que aproveitar a vida, o quanto não devo dedicar-me tanto ao trabalho e sim pensar mais em mim e nas coisas que me dão prazer e alegria. A vida mais dia menos dia coloca-nos à prova, tudo é demasiado efémero e por mais que saibamos quais são as nossas prioridades o importante é fazermos com que elas aconteçam de facto e não fiquem apenas na nossa vontade.
Também senti falta de aqui vir, mas há alturas que é necessário fazermos pausas e retemperarmos energias :)
Estás no meu coração sempre minha querida amiga.
Um beijo doce enorme para ti e um sorriso do tamanho do universo pela nossa amizade e cumplicidade :) mas principalmente pelo teu tão terno carinho :)


De Selene a 27 de Outubro de 2009 às 19:05
É verdade, se olharmos para o lado há sempre alguém pior e temos de dar graças por estarmos vivos...
É difícil ter força todos os dias principalmente com dores...
Também estás no meu coração, espero que estejas bem, um beijinho doce.


Comentar post

* mais sobre mim
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!
* Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


* posts recentes

* Cats Love

* O que procuramos?

* Querida Cátia :)

* Há coisas que nos passam ...

* Estou uma lamechas...

* Há dias como o de hoje…

* Delicia :)

* 4 meses e meio :)

* Tiroidectomia Total – 2 m...

* Tiroidectomia Total

* Vida

* Adoro...

* Imprescindível...

* Amar...

* Espera...

* Arrependimentos...

* arquivos

* Maio 2013

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* tags

* todas as tags

* favoritos

* Chocolate

* Destino

* FoodScapes - Absolutament...

* O tempo voa...

* Escrever a Vida em Capítu...

* Afastamentos

* As Surpresas da Vida

* Momentos de Ternura

* A força da nossa vitória

* Orgasmo da Vida

* links
* Doces Miminhos
* pesquisar
 
* Doces Visitas (desde 9 MAR 2009)
Hit Counter
* Playlist


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

* Time



More Cool Stuff At POQbum.com

* Contador de Doces Refugiados
free counters
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!