Sábado, 10 de Outubro de 2009
Procura-se um Amante!

 

Muitas pessoas têm um amante, e outras gostariam de ter um. Há também as que não têm, e as que tinham e perderam. Geralmente são estas últimas que vêem ao meu consultório para me contar que estão tristes ou que apresentam sintomas típicos de insónia, apatia, pessimismo, crises de choro, ou as mais diversas dores.

 

Elas contam-me que as suas vidas correm de forma monótona e sem perspectivas, que trabalham apenas para sobreviver e que não sabem como ocupar o tempo livre. Enfim, são várias as maneiras que elas encontram para dizer que estão simplesmente a perder a esperança.

 

Antes de me contarem tudo isto, já tinham estado noutros consultórios, onde receberam as condolências de um diagnóstico firme: "Depressão"... além da inevitável receita do anti-depressivo do momento. Assim, depois de as ouvir atentamente, eu digo-lhes que elas não precisam de nenhum anti-depressivo. Digo-lhes que o que elas precisam é de um Amante!

 

É impressionante ver a expressão dos olhos delas ao receberem o meu conselho. Há as que pensam: "Como é possível que um profissional se atreva a sugerir uma coisa destas?!".

 

Há também as que, chocadas e escandalizadas, despedem-se e não voltam nunca mais. Aquelas que decidem ficar e não fogem horrorizadas, eu explico-lhes o seguinte: Amante é "aquilo que nos apaixona". É o que toma conta do nosso pensamento antes de adormecermos, e é também aquilo que, às vezes, nos impede de dormir. O nosso Amante é o que nos mantém distraídos em relação ao que acontece à nossa volta. É o que nos mostra o sentido e a motivação da vida.

 

Às vezes encontramos o nosso amante no nosso parceiro, outras vezes, em alguém que não é nosso parceiro, mas que nos desperta as maiores paixões e sensações incríveis. Também podemos encontrá-lo na pesquisa científica ou na literatura, na música, na política, no desporto, no trabalho, na necessidade de nos transcendermos espiritualmente, numa boa refeição, no estudo, ou no prazer obsessivo do nosso passatempo preferido...

 

Enfim, Amante é "alguém" ou "algo" que nos faz "namorar" a vida e nos afasta do triste destino de "ir vivendo". E o que é "ir vivendo"?

 

"Ir vivendo" é ter medo de viver. É vigiar a forma como os outros vivem, é o deixarmo-nos dominar pela pressão, andar por consultórios médicos, tomar remédios multicoloridos, afastarmo-nos do que é gratificante, observar decepcionados cada ruga nova que o espelho nos mostra, é aborrecermo-nos com o calor ou com o frio, com a humidade, com o sol ou com a chuva.

"Ir vivendo" é adiar a possibilidade de viver o hoje, fingindo contentarmo-nos com a incerta e frágil ilusão de que talvez possamos realizar algo amanhã.

 

Por favor, não se contentem com "ir vivendo". Procurem um amante, sejam também um amante e um protagonista da vossa vida...

 

Acreditem que o trágico não é morrer, porque afinal a morte tem boa memória e nunca se esqueceu de ninguém. O trágico é desistir de viver, por isso, e sem mais delongas, procurem um amante.

 

A psicologia, após estudar muito sobre o tema, descobriu algo transcendental:

 

"Para se estar satisfeito, activo, e se sentir jovem e feliz, é preciso namorar a vida". “

 

 

Livro: "Hay que buscar se un Amante"

“Texto: Dr. Jorge Bucay

 Achei este texto delicioso, até porque também eu não descuro as minhas paixões e os meus amantes que tanto me ajudam e me dão um enorme alento para viver! E está decidido que ESTE será o meu próximo amante! AHHHH GARRA FELINO!

 



publicado por Sheila às 03:03
link do post | comentar | favorito

15 comentários:
De Just Moments a 10 de Outubro de 2009 às 03:27
Fofusca Linda!!

Este está demais!! Superaste-te a Ti mesma!!
E adorei a Tua próxima "paixão"..realmente bem melhor que medicamentos..
E felizmente não tens medo de viver as Tuas paixões!!

Grauuurr!!

Beijocas doces


De Sheila a 10 de Outubro de 2009 às 03:38
LOL
Está visto que preciso de amantes e paixões com garra! miauuuu lol
Mas e porque a experiência também conta, e porque não volto a cometer o erro de me meter em coisas novas, cá vou ficar à espera de um "amante" de serviço... mas com pouca kilometragem para ser eu a tratar-lhe da "rodagem" LOLADA
Muitos GRAAAAUSSSSS
Sonhos doces minha querida
e beijinhos delicados mas sempre com muita garra e emoção


De libel a 10 de Outubro de 2009 às 13:38
ahahhaahah...eu também quero um amante desses, lindo, robusto, confortável, com uma traseira sensual, uns olhos ternos a piscar, um tom de pele assim morenaço e cheio de gaz(olina)...ehehe...

Heiiiiii...esse é meu...eu vi primeiro, pôxa...já tinha comprado uma capinha pró inverno e tudo!!lol...
Beijokas


De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:04

Prometo que te levo a dar uma voltinha lol
Muitas Beijokinhas linda


De cumplicedotempo a 10 de Outubro de 2009 às 15:14
bem eu cá não quero participar dessa procura de amantes que por aqui vai , não vá alguém entrar e ler o post , não abrir o link do tal felino em questão e dizer "olha este é cúmplice e também anda metido nisto"
lol

agora mais a serio :P
haverá algo melhor do que ser amante da vida e de todas aquelas pequenas coisas que tanto prazer nos dão
amante vem de amar , e na sua essência consegue conjugar paixão intensa , alegria e transcendência
tal como muito bem o disseste "ir vivendo" e cair muitas vezes num marasmo , numa rotina viciante que mais depressa nos enlouquece do que outra coisa qualquer
mesmo numa relação devemos ser amor e amantes , para que a chama de paixão arda sempre intensamente :)

beijo cúmplice , adorei mais este tema minha amiga

ps: o desafio em cadeia ronda 3 esta lançado minha doce amiga




De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:13

Já tenho alguns felinos como amantes, este será mais um felino especial :)
Curiosamente a palavra amante continua na nossa sociedade a ser considerada como uma palavra depreciativa e mais conotada com sentido sexual, de traição, etc
Amantes são todas aquelas coisas e pessoas que elegemos como importantes, fundamentais e tão necessárias ao nosso bem estar e às nossas paixões.
Já basta quando temos aqueles dias não, que tanto parece não fazer sentido, que aparentemente não temos problemas mas achamos que tudo está cinzento... é precisamente nestes momentos que temos que ter amantes, fundamentais para que o nosso dia a dia seja mais plenamente vivido!
Muitos Muitos Muitos Beijinhos doces e fofos lol

ps: e no dia de hoje quase quase a ter um vencedor/a lol


De a 10 de Outubro de 2009 às 22:12
Oi Sheilla
Aceito o conselho da psicocóloga, seja qual for o "amante", preciso é que nos dê força e ânimo para enfrentar sempre um novo dia, e não cair na rotinice diabólica.Tá certo ...pôs-me a pensar.
Até breve
Herminia


De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:16
Olá Herminia :)
Acima de tudo nunca cair na "rotinice diabólica", como tão bem dizes :)
O importante é ter escapes, coisas essenciais como "amantes" para evitar que a vida se torne num marasmo!
Beijinhos para ti amiga


De comunicadoras a 10 de Outubro de 2009 às 23:32
O amor e a paixão têm que estar presentes em tudo o que fazemos. O amor é tão importante e milagroso precisamente pelas variadas facetas que apresenta; há pessoas que, quando se fala em amor, em paixão, em sensualidade, em amantes, pensam logo e só nesses sentimentos relacionados com o homem e a mulher; certo...estão relacionados com eles sim, mas não só no relacionamento conjugal, mas sim em tudo o que fazem, seja a dois seja sózinhos; se tivermos uma paixão, um amor, um amante claro que a nossa vida fica mais colorida, mais preenchida; não precisamos de ter um companheiro, temos que ter paixão pelas nossas atitudes, pelo trabalho, por leitura, por cinema, enfim.., pôr sempre paixão em tudo o que fizermos; uma coisa eu tenho a certeza; podemos ter marido, filhos, um casamento sólido, mas se não pusermos paixão nas nossas actividades do dia a dia sentimo-nos mal. Aliás estamos todos cansados de ver pessoas casadas, com filhos e netos e, no entanto, com grandes problemas de depressão. Porquê? porque lhes falta outro tipo de amante, outra paixão diferente.Um beijinho amiga e parabéns pelo tema...quando se vê os filhos com as suas próprias famílias, já não precisando da mãe, bate aquele desalento e começamos a perceber que temos de arranjar novo amante, apesar de termos um marido amoroso; eu tentei...aos poucos estou arranjando novos amantes e olha, têm-me ajudado bastante. Não me chegou um...já arranjei vários e não sei se chegam...
Emília


De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:23
Minha querida Emília,
O amor e a paixão são ingredientes fundamentais para que a vida seja verdadeiramente vivida.
Apesar dos filhos passarem para um contexto de já terem as próprias familias, nem sempre é motivo para que se sinta desalento, continuas a ser uma peça fundamental nas suas vidas, apenas há um afastamento fisico mas nunca um afastamento emocional. E agora é tempo sim de "pegarmos" em paixões/amantes que deixamos no passado, hoje tens tempo útil para te poderes dedicar a coisas que não tiveste tempo quando tratavas da educação e do dia a dia dos teus filhos. Acho muito bem que tenhas os teus amantes, os teus alentos porque isso só demonstra que estás a saber viver a vida :))
Quando me reformar (risos) quero continuar a ter muitos amantes também: viajar, a ter objectivos, a querer conhecer o máximo possível. Na vida só peço uma coisa: saúde, com ela temos a possibilidade de ter tudo na vida.
Muitos beijinhos para ti minha doce amiga :)


De Marta M a 11 de Outubro de 2009 às 00:39
Olá!!!!
Este blog anda muito atrevido ;)
Bom fim de semana e ainda não me esqueci do nosso compromisso.
Mas tenho passado dos dias lá pela escola...
Prometo resolver breve esta questão.
Bom fim de semana
Marta M


De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:27
Querida Marta,
Também eu tenho andado tão absorvida com trabalho que só hoje estou a conseguir colocar em dia os meus comentários. Pelo avançar da hora é que já não consigo passar por nenhum blog, mas estamos quase de fim de semana e já terei mais tempo para te fazer também uma visita :)
E há alturas que sabe bem ser-se atrevido lol, despertei a felina que há em mim ehehehhe :)
Desejo-te um excelente dia amanhã linda
E temos tempo para nos encontrarmos, sem stresses.
Muitos beijinhos para ti
Sheila


De Sindarin a 11 de Outubro de 2009 às 13:19
Sempre lindo e sentido, sempre a ensinar como se deve viver, com grande sabedoria. Obrigado. Venho trazer-te um beijinho e desjar um óptimo Domingo, querida amiga, e uma boa semana! Um imenso abraço com amizade. gostava de saber o k achaste do livro amiga, pode ser?


De Sheila a 16 de Outubro de 2009 às 02:38
Querida e doce Fátima :)
Já tinha saudades de falar contigo amiga, mas tenho andado com tanto trabalho, que apenas aqui tenho vindo de fugida e como que a obrigar-me a fazer uma pausa obrigatória do trabalho. Nem tenho dado pelos dias a passar, tal é a velocidade com que têm passado, é arrepiante.
Li o teu livro em 3 dias, e concordo com a critica inicial, é um livro que se devora, que se lê de um fôlego. Na primeira noite li 74 paginas, e foi complicado qdo decidi parar porque queria continuar. A história é muito gira, uma abordagem simples e bem conseguida do bem vs mal. O livro transmite-nos acção, um desenrolar rápido dos acontecimentos. A minha critica construtiva vai apenas no sentido no abrandamento do ritmo e a introdução de momentos de pausa, com mais descrição de pormenores, paisagens, contextos, que levem o leitor a imaginar e a criar todo o contexto na sua imaginação e consequentemente se cria ainda mais suspense. Quando sai o 2º? Também o vou querer quando sair, por isso reserva-me já um sim?
Um grande beijo e prometo que no fim de semana te faço uma visita. Lamento não andar com muito tempo para visitas ou comentários, mas no meu dia a dia não me esqueço nunca dos meus amigos deste doce cantinho :)
Dia lindo amanhã


De green.eyes a 12 de Outubro de 2009 às 09:39
Olá amiga

Já conhecia o texto, e podes crer que é verdade ... falo por experiencia propria.
A vida sem amor sem paixão não faz qualquer sentido ... não vivemos, passamos pela vida, não temos motivações ... não temos alegria de viver...

Beijinho e boa semana para ti

P.S. O filhote está optimo, um jovem num corpo de homem, (mas para mim sempre será o meu bébé)


Comentar post

* mais sobre mim
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!
* Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


* posts recentes

* Cats Love

* O que procuramos?

* Querida Cátia :)

* Há coisas que nos passam ...

* Estou uma lamechas...

* Há dias como o de hoje…

* Delicia :)

* 4 meses e meio :)

* Tiroidectomia Total – 2 m...

* Tiroidectomia Total

* Vida

* Adoro...

* Imprescindível...

* Amar...

* Espera...

* Arrependimentos...

* arquivos

* Maio 2013

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* tags

* todas as tags

* favoritos

* Chocolate

* Destino

* FoodScapes - Absolutament...

* O tempo voa...

* Escrever a Vida em Capítu...

* Afastamentos

* As Surpresas da Vida

* Momentos de Ternura

* A força da nossa vitória

* Orgasmo da Vida

* links
* Doces Miminhos
* pesquisar
 
* Doces Visitas (desde 9 MAR 2009)
Hit Counter
* Playlist


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

* Time



More Cool Stuff At POQbum.com

* Contador de Doces Refugiados
free counters
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!