Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009
Aprendizagens V

 

A Lição do Bambu

 

Depois de plantada a semente deste incrível arbusto, decorrem alguns anos sem emergir nada do solo.

Durante 5 anos, todo o crescimento é subterrâneo, invisível a olho nu.

Mas o que acontece é que uma maciça e fibrosa estrutura de raiz, que se estende vertical e horizontalmente pela terra está efectivamente a ser construída e diariamente a crescer...

 

Um escritor americano escreveu:  

"Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu":

 

Nós trabalhamos, investimos tempo e esforço, fazemos tudo o que podemos para nutrir o nosso crescimento e, às vezes, não vemos nada a acontecer durante semanas, meses ou anos. 

 

Mas, se tivermos paciência para continuar a trabalhar, a persistir e a nutrir a nossa vida pessoal e laboral, o nosso "5º ano" chegará e, com ele, virá o crescimento e as mudanças que tanto ansiávamos ou que jamais pensámos que acontecessem…

 

O bambu ensina-nos que não devemos facilmente desistir dos nossos projectos, dos nossos sonhos, da nossa perseverança e resistência em prosseguir no que acreditamos e queremos… seja no nosso trabalho, (que é sempre um grande projecto na nossa vida) bem como na nossa vida pessoal, dia após dia.

 

Devemos lembrar-nos do bambu, para não desistirmos facilmente diante das dificuldades que surgirão ao longo do nosso dia a dia e no decorrer da nossa vida!

 

Tenhamos sempre dois hábitos: Persistência e Paciência

 

É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para nos curvarmos ao chão.

 



publicado por Sheila às 19:11
link do post | comentar | favorito

29 comentários:
De Selene a 31 de Agosto de 2009 às 22:58
Ora eu sou fã do bambu! É mesmo isso, dessa planta maravilhosa tiramos uma lição de vida preciosa.
Tento pôr em prática diariamente esses ensinamentos. E sinto isso, que os frutos de anos de trabalho no meu interior vão revelando agora os seus frutos. Estou mais crescida.
Os dois "Pes", persistência e Paciência... Preciosos e precisos.
Mais uma vez, lindo texto... Mts bjns.


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 00:53
E que comentário ma-ra-vi-lho-so o teu minha querida amiga :)
"Os dois "Pes", persistência e Paciência... Preciosos e precisos." e como subscrevo esta tua frase :)
A maturidade é o reflexo do ensinamento destes dois "pês" sem qualquer dúvida :)
Beijinhos doces para ti linda e o desejo de um bom resto de semana


De Mónica a 31 de Agosto de 2009 às 23:04
Olá!
Posso chamar-te "cana de bambú"?
Posso?
Beijoooooos



De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 00:56
Olá doce :)

É claro que podes!
:)))

Pior era se fosse "cana rachada"
LOLADA TOTAL

Beijinhos com sabor a cana de açucar :)


De comecardenovopt.blogspot.com a 31 de Agosto de 2009 às 23:58
Muito interessante esta informação sobre o bambu. Não conhecia essa característica dele. O que podemos concluir desta e das outras aprendizagens que apresentaste aqui já várias vezes é que temos sempre muito a aprender com os outros seres humanos, com os animais e com as plantas. Cada um tem uma característica diferente e todas elas têm a ver connoco. Por isso devemos sempre ter a humildade suficiente para olhar com atenção à nossa volta e pensar que tudo o que vemos contribui para o nosso crescimento e enriquecimento. É por isso tão importante que respeitemos o meio ambiente. Temos forçosamente que o olhar como indispensável à nossa sobrevivência; temos que descer do nosso pedestral e começar respeitá-lo mais; afinal.., ele dá-nos cada lição!!! Um beijinho e parabéns pelo tema
Emília



De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 01:19
Querida Amiga
Não podias exprimir melhor a visão que tenho com estas aprendizagens! Sem dúvida alguma que temos mesmo muito aprender com tudo o que nos rodeia, que contribui para o nosso crescimento, enriquecimento e dá sentido lógico a tantas coisas na nossa vida, a tantos sentimentos a tantos comportamentos.
Obrigada pela tua visita amiga. Espero que andes bem e mais animada.
Um grande beijo cheio de ternura para ti


De comecardenovopt.blogspot.com a 2 de Setembro de 2009 às 02:17
É engraçado e gratificante chegarmos à conclusão de que, através de um computador se façam amizades tais que até dá para perceber que a pessoas do outro lado anda bem ou mal. É por isso que digo Amizade é amizade, quer seja real ou virtual. Estou mais animada, sim...; tenho que aprender com o bambu e não só. Beijinhos, amiga e obrigada pelo teu cuidado.
Emília


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 02:29
Amiga,
Apesar de eu própria andar também mais ausente devido a excesso de trabalho, cumprimento de deadlines, com muitos projectos a fechar e com um chefe que veio de férias com a "pica" toda de ideias novas lol, nunca me esqueço de quem gosto, seja alguém que conheço pessoal ou virtualmente. Estás no meu coração e não te quero ver/sentir tristita. Nos momentos menos bons temos que arranjar formas de dar a volta, de voltar a tomar balanço para um amanhã mais colorido. A vida é demasiado efémera e acima de tudo devemos a nós próprios os melhores momentos. Nada de tristezas!
Beijo enorme com carinho minha querida.


De cumplicedotempo a 1 de Setembro de 2009 às 01:21
mais um texto fantástico , e que verdadeira lição de vida esta
também não conhecia esta faceta do bambu e fiquei realmente impressionado , pois mais uma vez nos presenteias com uma antologia tão perfeita de como devemos encarar as vicissitudes da vida tal o bambu sem nunca desistir pois com o labor de hoje se constrói o amanhã

beijo cúmplice


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 01:40
:) já viste o quanto temos a aprender com o que nos rodeia? Autênticas lições de vida de facto!
Desistir é palavra a banir dos dicionários das nossas vidas, Persistir uma palavra a considerar na letra A do nosso dicionário diário :)
Grande beijo para ti e resto de uma excelente semana :)


De cuidandodemim a 1 de Setembro de 2009 às 12:40
Já dizia a música.. É preciso ter paciência... E a calma de saber esperar...
Bjns


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 01:42
É verdade :)
E por vezes não é nada fácil. Confesso que tenho paciência para umas coisas mas para outras nem sempre consigo. Também diz o ditado... "quem espera sempre alcança"...
Beijo grande amiga linda


De green.eyes a 1 de Setembro de 2009 às 12:51
Amiga Sheila
Persistência e paciência é aquilo que eu espero nunca deixar extinguir em mim.
Beijinhos


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 01:51
Linda,
Acima de tudo na vida o que mais peço é saúde, mas a seguir também peço uma pitada extra de paciência... Persistência felizmente que ao longo dos anos tem sido inata em mim. Acima de tudo corro atrás daquilo em que acredito e acredito que a vida tem que ser um conjunto de momentos maioritariamente felizes!
Beijo doce amiga


De euempapel (Sindarin) a 1 de Setembro de 2009 às 14:21
Olá ando a dar a conhecer o meu livro, mas para além disso queria conhecer novos amigos e estreitar laços k são preciosos. Gostei mto da história do Bambu porque adoro estplanta persistente e corajosa. Um beijinho grande. Se puder contar contigo como amiga fico feliz


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 02:00
Olá Fátima :)
Sabes que já tentei comprar o teu livro na Bertrand :)
Mas disseram-me que só há em Lisboa. E tenho muita vontade de o ler. E hei-de passar no teu blog com mais calma para ver como o encomendo :)
Fico lisonjeada por virtualmente ter despertado esta aproximação e vejo com muito respeito e agrado o inicio de uma nova e especial amizade. Como é mais que óbvio, podes contar com mais este laço no estreitar das tuas amizades e é com sinceridade que me sinto orgulhosa :)
Amanhã (daqui a umas horas lol) vou estar o dia inteiro em reuniões de consultoria, à noite tb tenho que trabalhar, mas prometo que a partir de 5ªf terei mais disponibilidade para passar no teu cantinho, combinado?
Grande beijinho para ti.
Bem haja pelo teu carinho e parabéns pela aventura e mérito pela escrita do teu livro, que eu acredito ser excelente!


De noitesemfim a 1 de Setembro de 2009 às 15:40
"...todo o crescimento é subterrâneo, invisivel a olho nu"
Retive esta frase e porquê?
Porque é no nosso íntimo (suterrâneo) que devemos crescer, cimentar as nossas ideias, os sentidos e os sentimentos (invisiveis a olho nu), até que estes sejam transmissiveis pelo simples olhar e se espelhem nos outros que nos queiram ou saibam ler.
Retive esta frase mas li todo o texto amiga.~
Mais uma lição de vida.

Um beijo


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 02:16
:))
Como sempre uma delicia o teu comentário :)
E é isso mesmo: a vida assenta no nosso intimo, no crescimento, no cimentar das nossas ideias e convicções e sentidos e sentimentos e a partir daqui o quanto é possível construirmos!
Grande beijo para ti


De descobrirafelicidade a 1 de Setembro de 2009 às 22:42
É mesmo surpreendente o Universo. Uma amiga contou-me que existia uma planta na Amazónia que permanecia em germinação durante cinco anos e depois, no seu primeiro ano de vida crescia cinco metros! Na resposta que dei a um comentário ao meu post do dia 28 falo justamente da importância da verdadeira vida que está invisível. São estas coincidências (os tais milagres em que Deus prefere ficar incógnito) que nos dão alento e ajudam a viver.


De Sheila a 2 de Setembro de 2009 às 02:23
Olá :)
Incrivel essa planta na Amazónia!
Também acho que há verdadeira vida que está invisivel, quantas coisas nos rodeiam que só as consguimos ver através dos sentimentos ou dos nossos sentidos mais apurados. Infelizmente vivemos numa correria e numa luta desenfreada contra o tempo, apenas acessiveis ao que vemos à frente. É preciso dedicarmos algum tempo precioso aos muitos pormenores que nos rodeiam e acima de tudo deixarmos fluir a nossa sensibilidade ao máximo!
Beijinhos para ti e obrigado pela visita. Prometo fazer-te uma visita muito em breve, combinado?
Fica bem :)


De descobrirafelicidade a 2 de Setembro de 2009 às 16:02

Adorei visitar-te e cá fico a aguardar-te no meu espaço. Obrigada!


De jangadadecanela a 2 de Setembro de 2009 às 10:56
olá Sheila...

é a teoria de nós próprios, com adultos, primeiro deviamos crrscer por dentro para depois, crescer por fora... ;)

um abraço
Luís


De Sheila a 4 de Setembro de 2009 às 01:19
Olá Luis :)

Acho que ainda não tinha falado contigo depois das férias. Pelas fotos já vi que foram soberbas :) Sabem é sempre a pouco... quando nos estamos habituar ao bem bom eis que vem o "bom" do trabalho lol

É verdade primeiro devemos crescer bem interiormente para que todo esse crescimento se "verbalize" para o exterior que nos rodeia!

Beijinhos e continuação de boa semana!
Sheila


Comentar post

* mais sobre mim
* Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


* posts recentes

* Cats Love

* O que procuramos?

* Querida Cátia :)

* Há coisas que nos passam ...

* Estou uma lamechas...

* Há dias como o de hoje…

* Delicia :)

* 4 meses e meio :)

* Tiroidectomia Total – 2 m...

* Tiroidectomia Total

* Vida

* Adoro...

* Imprescindível...

* Amar...

* Espera...

* Arrependimentos...

* arquivos

* Maio 2013

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* tags

* todas as tags

* favoritos

* Chocolate

* Destino

* FoodScapes - Absolutament...

* O tempo voa...

* Escrever a Vida em Capítu...

* Afastamentos

* As Surpresas da Vida

* Momentos de Ternura

* A força da nossa vitória

* Orgasmo da Vida

* links
* pesquisar