Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009
Raros Melhores Amigos

 

“As pessoas povoam a nossa vida como os malmequeres crescem nos campos. Algumas passam e não reparamos nelas. Outras destacam-se por qualquer motivo. Várias se tornam amigas. Raramente, uma ou duas pessoas se tornam as melhores amigas.

O melhor amigo como os simples amigos tem afinidades connosco, tem gostos em comum, tem qualidades e defeitos mútuos, ri-se e chora connosco, ouve-nos nos dias maus e conta-nos o que lhe apetecer, liga-nos sempre que pode e atende-nos sempre que pode, mas a diferença entre o simples e o melhor está aqui: sabemos que onde quer que se encontre, a que fuso horário estiver, a fazer o que calhar, podemos contar com ele. Sabemos que conhece o melhor de nós, mas que também conhece o pior, e mesmo assim não desiste de nós…

O amigo novo é mais fácil de guardar porque podemos esconder-lhe os dias negros da nossa existência e apenas mostrar o que temos de bom. Podemos criar uma espécie de super eu para o amigo novo, como se fóssemos um livro ao qual arrancámos as páginas de passado e mostramos apenas as páginas novas que queremos ser no futuro. Passamos a ser um livro estranho, com uma lombada mole, com folhas que se podem soltar porque estão descosidas do seu próprio passado. Um dia, as folhas arrancadas podem ser encontradas por acaso pelo amigo novo… Será que o conseguiremos manter quando descobrir que omitimos uma grande parte de nós? Talvez sim, talvez não…

Os raros melhores amigos com os quais temos o privilégio de partilhar a nossa vida são demasiado preciosos para podermos ser ingratos com eles, para os negligenciarmos, para os pormos de parte e o que mais quero na vida é que isso nunca me aconteça. Deus queira que eu saiba sempre estimar os meus raros melhores amigos…”

By Jacky

 



publicado por Sheila às 12:38
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009
Epílogo de uma história...

 

"Trago dentro do meu coração,

Como num cofre que se

não pode fechar de cheio,

Todos os lugares onde estive,

Todos os portos a que cheguei,

Todas as paisagens que vi através

de janelas ou vigias,

Ou de tombadilhos, sonhando,

E tudo isso, que é tanto,

é pouco para o que eu quero.”

 

Fernando Pessoa

 

Há momentos na vida que nos marcam, que nos fazem crescer e que têm o seu ciclo de duração. Quando encerramos um capítulo damos início a um novo ciclo. Não é fácil aceitarmos e convivermos com o fim de alguma coisa. Mas devemos aproveitar estes momentos e pensar que tudo o que nos acontece na vida pode ser re-avaliado no futuro, independemente daquilo que sentimos hoje.

É curioso pensar que o que nos acontece de bom no presente pode um dia vir a ser considerado mau, assim como o que hoje consideramos mau pode num futuro ser visto como algo bom!

No presente temos a tendência para nos sentirmos tristes ou felizes com as surpresas da vida, mas quantas vezes nos acontece mudarmos de opinião mais tarde, face ao desenrolar da vida e ao encadeado de passos que damos dia após dia.

Ninguém consegue vislumbrar o futuro e tudo depende do que se suceder no futuro, depende do ângulo com que vamos analisando as situações e não podemos esquecer que nós próprios ao evoluir, crescer e mudar de atitude e forma de pensar ao longo da vida vamos também tendo diferentes pontos de vista sobre os acontecimentos.

 

Acima de tudo não podemos nunca desanimar, temos de procurar os pontos positivos em cada situação por mais frustrante que seja, por mais triste que seja o nosso estado de alma, temos de acreditar que existe algo de positivo ali que nos vai ajudar a recuperar o nosso sorriso.

 

A vida vai sendo feita de momentos únicos, momentos bons, momentos de escolha, momentos maus, momentos intensos, momentos calmos, momentos mágicos, alguns vão mesmo ficar bem gravados na nossa memória ao longo da vida, outros perdem a força com o passar dos anos acabando por serem ténues recordações.

 

Reviver o passado não nos faz mais felizes por mais feliz que ele tenha sido, mas pode sempre trazer uma pitada de tristeza mesmo que tenha sido bom. Devemos saber respeitar o passado mas não ter medo dele, foram momentos que já passaram, e no momento presente devemos tirar apenas deles a lição do que aconteceu ou deixou de acontecer. E ao viver o momento presente, não devemos perder de vista que temos ainda de viver muitos momentos únicos futuros e que as escolhas de hoje podem condicionar as de amanhã.

 

Vai haver sempre muita coisa boa para viver!

 

 

 

 

Querido Diogo, obrigado pelo teu email, pelo video que publico aqui no meu cantinho, pelo teu carinho, por essa força e coragem que demonstras hoje, face aos acontecimentos passados, presentes e futuros da tua vida. E parabéns pelo sucesso profissional. Ficaste lindo (já és aliás :P) na foto do J.N. Estarei sempre por perto e a fazer votos sinceros para que o futuro te traga rapidamente a felicidade que tanto mereces. Beijo enorme amigo! E nunca te esqueças que ainda há muita coisa boa para viver!

 

 



publicado por Sheila às 23:34
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

Terça-feira, 19 de Maio de 2009
Ciúmes!

  

 

O ciúme é como uma figura de um baralho de cartas no jogo dos relaccionamentos!

 

Numa relação a dois temos inicialmente o naipe de copas. Há um rei e uma rainha.

Às vezes intromete-se um valete chamado ciúmes! Chegam com o naipe das espadas, sejam eles damas ou duques, mas as copas tentam sempre ter o trunfo na mão, um certo poder ou o ás da sedução e do desejo, ou o ás de ouros da confiança que o valete, seja de que naipe for, não conseguirá abalar!

 

Nas relações de amizade e entre várias cartadas e jogos baralham-se as cartas, entre duques, ternos, quadras, senas, manilhas ou ases, poderá haver um valete (ou uma dama) chamado ciúmes. Tempos passam em que cartas do mesmo naipe se unem em cartolinas amarelecidas pelo tempo e nada mais as separa, mas por vezes o baralho da amizade também fica parado num estojo, guardado numa mesinha de jogo forrada a tecido verde e já ninguém joga! Tudo porque um valete ou uma dama, de paus ou de espadas prevaleceu e conseguiu atingir todas as outras.

 

Há sempre a esperança de um tão esperado dia em que novas mãos recolhem as cartas, querendo aprender o jogo, e duques, ternos, quadras, quinas, senas, manilhas, ases, reis e rainhas regressam à dança de mão em mão, reavivando o que outroura um simples valete (ou dama) chamado ciúmes deixara adormecido.

  

No “jogo” dos relaccionamentos, tal como num baralho de cartas, todas elas são necessárias ao objectivo do jogo, cada uma com a sua pontuação é certo! Mas no jogo dos afectos não pode haver valetes ou damas que prevaleçam, mesmo que apareçam nos quatros naipes de um simples baralho de cartas!

  

Os amigos não se perdem... se deixaram de o ser é porque nunca o foram!

 



publicado por Sheila às 21:43
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

Sexta-feira, 15 de Maio de 2009
Amizade Colorida

 

As Cores dos Amigos

 

 

Amigos são "cores",

cada qual com o seu matiz,

e um jeito sempre muito marcante!

 

 

Há o Amigo "cor verde"

é aquele que em tudo

ressalta a beleza da Vida

e põe esperança nela.

Ele nos ergue !

 

Há o Amigo "cor azul"

ele sempre traz palavras

 de paz e de serenidade,

dando-nos a impressão, ao ouvi-lo,

  de que estamos

em contacto directo com o céu

ou com o profundo azul do mar.

Ele nos eleva !

 

 

Há o Amigo "cor amarela"

ele aquece-nos assim como o sol;

Ele faz-nos rir, sorrir e

visualizar o amarelo brilho das estrelas

bem ao alcance das nossas mãos.

 

Há o Amigo "cor vermelha"

é aquele que domina as regras de viver,

e é como o nosso sangue.

Ele acusa perigos, mas nunca nos abala a coragem.

É pródigo em palavras apaixonadas

e repletas de caloroso amor.

 

Há o Amigo "cor laranja"

ele traz-nos a sensação de vigor, de saúde.

Ele enriquece o nosso espírito

com energias que são verdadeiras vitaminas

para o nosso crescimento.

 

Há o Amigo "cor cinza"

ele ensina-nos o silêncio,

a internalização e o autoconhecimento.

É um indutor a pensamentos e reflexões.

Ajuda-nos a nos aprofundarmos em nós mesmos.

 

Há o Amigo "cor violeta"

ele traz à tona

a nossa essência majestosa,

como a dos reis e dos magos.

As suas palavras têm nobreza,

autoridade e sabedoria.

 

Há o Amigo "cor preta"

ele é mestre em mostrar

o nosso lado mais obscuro,

com palavras geralmente duras,

Atinge-nos sem "anestesia" 

mas com boas intenções,

e leva-nos a melhorar e

a considerar as nossas

atitudes perante a vida.

 

 ... E há o Amigo "cor branca"

este revela-nos verdades

nascidas da vivência

e da incorporação de conhecimentos.

Ele prova-nos que, não só ele,

mas também todos os outros,  

têm verdades aprendidas

para partilhar conosco.

 

E se os reunirmos a todos num Grande Encontro,

veremos um enorme arco-íris de Amizade!

 

Que na nossa vida tenhamos este matiz de amizades!

 

 

 

Imagens de Penny Black


publicado por Sheila às 11:48
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
|

Quarta-feira, 6 de Maio de 2009
Amor e Paixão...

 

 

 

Para mim o AMOR e a Admiração andam de mãos dadas.

Admiro pessoas inteligentes, tolerantes, meigas, com sentido de humor e com valores! Seria incapaz de amar alguém que não admirasse! Alguém com quem sinta um particular orgulho por estar ao seu lado. Há sempre algo na pessoa que amamos que está de uma certa forma acima de nós, talvez uma característica que não temos (mas que gostaríamos de ter), um determinado padrão de comportamento que nos faz sentir um genuíno orgulho todos os dias.

Amor é uma emoção que surge na nossa vida, que por vezes vem de mansinho, que aparece ser pedir licença e que se vai alimentando de encontros, de conhecimento mútuo, de pequenos afectos e mimos e se vai sedimentando num sentimento mais forte. Muitos amores fracassam, outros resistem às agruras da vida, às depressões pessoais.

O amor não se procura... não nos bate à porta... simplesmente acontece no decorrer e do edificar de uma amizade, de uma partilha de conhecimentos...

Por vezes o amor acontece e nem sempre é recíproco. Às vezes, amamos quem nunca nos irá amar de volta, e vice versa. Muitas vezes o amor acontece e é recíproco quando ambos tem disponibilidade interior. Porque sim, o amor transtorna-nos completamente, obriga-nos a reestruturarmo-nos e a deixar que alguém invada a nossa intimidade. O amor alimenta-se de estabilidade interior. Simplesmente não acontece na vida de quem mantém dependências afectivas porque em vez de amarem, apenas transferem carências emocionais para o outro, sem o amar verdadeiramente pelo que é.

O amor não entra nem sai do coração. Não há uma porta que se abre para um novo amor, nem uma porta que se fecha e impede o amor de acontecer.

O amor sente-se no coração mas acho que o amor não está só no coração!

O amor está nos nossos cinco sentidos, na forma como vemos, ouvimos, tocamos, provamos, cheiramos e sentimos o outro. O amor está nos sentidos, que chegam até ao nosso cérebro que traduz os estímulos visuais, auditivos, tácteis, gustativos, olfactivos, em emoções, ideias, pensamentos, sentimentos, partilhas, cedências, vivências…

Amor é uma partilha intensa de afectos e é imprescindível nas nossas vidas... um sentimento que nos preenche em pleno.

 

A PAIXÃO e a Atracção complementam-se! São sentimentos puramente fisicos. Não há nada de mais excitante que os ínicios de relações... aquele jogos de sedução que se criam à volta do desejo fisico e da atração. Todas as pessoas acham uma certa piada em seduzir e em serem seduzidas. É óptimo desejar e ser-se desejado mesmo que de uma situação efémera se trate... A paixão alimenta-se de olhares prolongados que transmitem o que as palavras não sabem... alimentam desejos fugazes e insaciáveis..

A paixão, quando surge, é sempre avassaladora e malvadamente monopolizadora. Há um flash que nos cega repentinamente e faz-se luz: a paixão entra na nossa alma e tudo o resto deixa de ter sentido. Vivem-se dias de intensa euforia ou de grande angústia da perda. Damo-nos conta que não conseguimos viver sem essa paixão e que todo o nosso mundo gira à sua volta.

Numa paixão correspondida é a beleza e o fascínio que ditam as regras .Mas a paixão é fugaz... um belo dia a paixão de um dos lados acaba e surge com o fim do júbilo, a mais dolorosa agonia. O sentimento é que tudo se desmoronou à nossa volta. É o vazio profundo a contrastar com um vulcão aceso e ardente que consome por dentro.

 

Será que o O AMOR e a PAIXÃO andam de mãos dadas? Será que primeiro sentimos paixão e depois amor? Ou será que o amor nasce da amizade e não da paixão?

Considero que ambas as situações podem acontecer... mas que um amor que nasce de uma verdadeira amizade é por ventura o que perdure mais...

 

Uma situação comum entre o Amor ou a Paixão é que ambos podem fracassar! Superar uma paixão ou um amor não é nada fácil. É preciso dar muito tempo ao tempo para que todas as feridas sejam tratadas e relambidas e possam assim cicatrizar. É preciso conseguir preencher o vazio de nós e ganhar forças suficientes para conseguirmos abrir o coração de novo. Na verdade, não há paixões insuperáveis, nem amores mal resolvidos, o que há é um grande medo de voltar a viver, de voltar a ser vulnerável e de dar uma nova oportunidade, a alguém imperfeito como nós e que poderá voltar a magoar-nos. É muito mais fácil colocar um amor ou uma paixão no altar da nossa memória, idolatrá-la perpétuamente do que enterrá-la no passado e voltar-se para o mundo de coração aberto. Às vezes, é simplesmente um encarar da realidade: a pessoa que tínhamos endeusado ou idealizado, afinal não corresponde às nossas (altas) expectativas. Muitas vezes o problema das relações de hoje é que as pessoas, para admirarem alguém, precisam de capacidades ou comportamentos cada vez mais elevados; necessitam que o outro corresponda a critérios cada vez mais exigentes, tanto em termos de beleza física como em intelectualidade e inteligência, além de um sem fim de aptidões e qualidades.Cada vez menos, as pessoas se prendam porque andam em busca de um ser perfeito para admirar que existe apenas na sua imaginação, porque muitas pessoas, comparando-se aos padrões de beleza e de excelência da sociedade moderna, sabem que não têm hipótese e simplesmente desistem de se mostrarem e de se fazerem amar.

 

Mas todos precisamos de afecto. O amor é imprescindível na nossa vida, sim! A paixão é fugaz e física. Sofremos mais quando um amor se esgota, ou quando sentimos a sua falta... mas o Amor é um sentimento que surgirá de novo e nos fará renascer!

 

Haja abertura para permitir a entrada de afectos presentes e amores futuros…

  



publicado por Sheila às 01:10
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|

Terça-feira, 5 de Maio de 2009
Paixões tardias...

 

 

Alguém me dizia... "Estou com saudades de viver uma paixão. Mas é tarde de mais."  

Demasiado tarde porque a vida está organizada e o medo que alguma coisa a possa desarrumar é grande. 

Razão mais que válida, admito. Quando passamos anos a construir uma relação, uma família, é muito difícil imaginar que tudo possa desmoronar. Ainda mais quando se é feliz assim...

A pessoa em causa até tem um alvo dessa paixão que gostaria de viver. Uma paixão que vive com a alma, mas que recusa viver com o corpo. Uma paixão onde as mãos só se tocam em pensamento...

A verdade é que precisamos destes sentimentos mais fortes para nos sentirmos vivos. Sentimentos que nos obrigam a repensar a vida, que surgem quando menos esperamos, que surgem sem os procurarmos.

 

Sentimentos que se obrigam a ficar calados, em nome da estabilidade?

 

Será mesmo "tarde de mais" para viver uma paixão?

 



publicado por Sheila às 17:04
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

SER POBRE...

 

 

 

Um pai, bem na vida, quis que o seu filho soubesse o que era ser pobre, e levou-o para passar uns dias com uma família de camponeses. O menino passou 3 dias e 3 noites a viver no campo.

No carro, e de volta à cidade, o pai perguntou-lhe:

Como foi a tua experiência?

- Foi boa, responde o filho, com o olhar perdido à distância.

E o que é que aprendeste? Insistiu o pai.

O filho respondeu:

1 - Que nós temos um cão e eles tem quatro...

2 - Que nós temos uma piscina com água tratada, que chega até metade do nosso terreno. Eles têm um rio sem fim, de água cristalina, onde têm peixinhos e outras belezas.

3 - Que nós temos candeeiros para iluminar o nosso jardim, enquanto que eles tem as estrelas e a lua para iluminá-los.

4 - Que o nosso terreno chega até o muro. O deles chega até o horizonte.

5 - Que nós compramos a nossa comida, e eles cozinham.

6 - Que nós ouvimos CD's... Eles ouvem uma perpétua sinfonia de pássaros, periquitos, sapos, grilos e outros animais... e muitas vezes acompanhada pelo sonoro canto de um vizinho que trabalha na sua terra.

7 - Que nós usamos microondas. Tudo o que eles comem tem o glorioso sabor do fogão à lenha.

8 - Que para nos protegermos vivemos rodeados por um muro, com alarmes... Eles vivem com as suas portas abertas, protegidos pela amizade dos seus vizinhos.

9 - Que nós não vivemos sem telemóveis, sem computador e sem televisão... e que eles vivem intensamente a vida, ligados ao céu, ao sol, à água, ao verde do campo, aos animais, às suas sombras, à sua família.

O pai ficou impressionado com a profundidade do seu filho e então o filho terminou:

 

- Obrigado, pai! por me teres ensinado o quanto somos pobres!

 

 

Cada dia grande parte da humanidade está mais pobre de espírito e de observação da natureza, que são as grandes obras de Deus.

 

Cada vez mais há uma constante preocupação em TER, TER, TER, E CADA VEZ MAIS TER, em vez de existir a preocupação em SER: SER cada vez mais, SER cada vez melhor,  SER verdadeiro, SER livre, SER completo...

 



publicado por Sheila às 12:10
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Abril de 2009
Amigo não tem defeito!

 

 

O dono de uma loja estava a colocar um anúncio na porta:  “Cachorrinhos à venda”.

Este tipo de anúncio sempre atrai as crianças, e logo um menininho apareceu na loja e perguntou:

- Qual é o preço dos cachorrinhos?

O dono respondeu: - Entre 300,00 e 500,00€.

O menininho levou a mão ao bolso e tirou algumas notas e moedas.

- Infelizmente só tenho 100€. Posso vê-los???

O homem sorriu e assobiou...

De trás da loja saiu a sua cadela a correr, seguida por cinco cachorrinhos. Um dos cachorrinhos foi ficando para trás...

O menininho imediatamente apontou o cachorrinho que vinha a coxear.

- O que aconteceu com esse cachorrinho? - perguntou ao dono da loja.

O homem explicou-lhe que quando o cachorrinho nasceu, o veterinário disse-lhe que tinha uma das patinhas defeituosa e que iria coxear para resto da sua vida.

O menininho emocionou-se e exclamou:
- Esse é o cachorrinho que eu quero comprar!

E o homem respondeu:
- Não, tu não vais comprar esse cachorrinho, se realmente
o queres, eu dou-te de presente.

O menininho não gostou, e olhando directo nos olhos do homem disse-lhe:

Eu não quero que o Senhor mo dê de presente. Ele vale tanto quanto os outros cachorrinhos e eu quero pagar o preço pedido.

Agora vou dar-lhe os meus 100€ e se o Senhor concordar, em cada mês eu poderia ir pagando 25€  até que o tenha pago por completo.

O homem respondeu: - Mas tu não queres de verdade comprar esse cachorrinho, filho! Ele nunca será capaz de correr, saltar e brincar como os outros cachorrinhos.

O menininho baixou-se e levantou a perna da sua calça para mostrar a sua perna esquerda, cruelmente retorcida e inutilizada, suportada por um grande aparato de metal.

Olhou de novo para o homem e disse-lhe:

- Bom, eu também não posso correr muito bem, e o cachorrinho vai precisar de alguém que o compreenda!

O homem estava agora envergonhado e seus olhos encheram-se de lágrimas. Sorriu e disse:

- Filho, só espero que cada um destes cachorrinhos tenha um dono como tu!!!


Na vida não importa como és, mas que alguém te aprecie
pelo que tu és, e te aceite e ame incondicionalmente. Amigo é aquele que nos aceita como somos verdadeiramente. É alguém consciente dos nossos defeitos e das nossas falhas e que, mesmo assim, gosta de nós.

 

Amigo não tem defeito!!!

 


sinto-me:

publicado por Sheila às 11:32
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|

Domingo, 19 de Abril de 2009
A PARTIR DO PRÓXIMO AMANHECER

 

«Hoje dei-me um tempo para pensar na vida. Na minha vida!!!

Decidi então que a partir do próximo Amanhecer vou mudar alguns detalhes para ser a cada novo dia, um pouquinho mais feliz.

Para começar, não vou mais olhar para trás.

O que passou é passado, se errei, agora não vou conseguir corrigir.

Então, para quê remoer o que passou?

Refletir sobre aqueles erros sim e então fazer deles um aprendizado para o “meu hoje”...

Nem todas as pessoas que amo, retribuem os meus carinhos como “eu” gostaria...

E daí?

A partir do próximo Amanhecer vou continuar a amá-las, mas não vou tentar mudá-las.

Pode ser até que ficassem como eu gostaria que fossem e deixássem de ser as pessoas que eu amo.

Mas não é isso que eu quero!

Mudo eu... Mudo sim o meu modo de vê-las. Respeito o seu modo de ser.

Mas não vou desistir dos meus sonhos!!!

A partir do próximo Amanhecer vou lutar com mais garra!

Mas vai ser diferente...

Não vou mais responsabilizar ninguém pela minha felicidade.

E VOU SER FELIZ!!!

Não vou mais parar a minha vida

Porque o que desejo não acontece,

Porque uma mensagem não chega,

Porque não ouço o que gostaria de ouvir.

Vou fazer o meu próprio momento...

Vou ser feliz agora...

Terei outros dias pela frente!!!

Nunca mais darei muita importância aos problemas que não tenho conseguido resolver.

A partir do próximo Amanhecer, vou agradecer a Deus, todos os dias por me dar forças e motivos para viver,

Apesar dos meus problemas!

Chega de sofrer pelo que não consigo ter, pelo que não ouço ou não leio. Pelo tempo que não tenho e até de sofrer por antecipação, pensando sempre, apenas no pior.

A partir do próximo Amanhecer,

Só vou pensar no que tenho de bom.

Vou aproveitar a presença dos meus amigos para sorrir, conversar, para dividir felicidade...

A partir do próximo Amanhecer vou ser apenas eu!

Não mais vou ser o que os outros querem que eu seja,

Não mais vou sorrir sem vontade, ou dizer aos outros o que eles querem ouvir... 

A partir do próximo Amanhecer vou viver a minha vida,

SEM MEDO DE SER FELIZ.

Vou continuar esperando...

Não, não vou esquecer ninguém! Mesmo os que me magoaram são importantes na minha vida! Fizeram-me crescer!

Mas...

A partir do próximo Amanhecer,

Quando a gente se encontrar, com certeza, vou te dar “aquele” abraço bem apertado, e com toda a sinceridade...

dizer...

QUE TE ADORO!!!!

E tenho ainda muito amor para te dar.

Com carinho! »

 

Amigos

O tempo está a contar... não pára! Não percam tempo com o que vos faz estagnar e não vos deixa evoluir. A vida pode sorrir-nos sempre... será que deixamos...? Sejam Felizes!

 

Bom Início de Semana para todos! Beijos Doces!

 



publicado por Sheila às 19:20
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

Sexta-feira, 10 de Abril de 2009
Nadador Revelação

Dedico esta bela imagem à green.eyes e ao amor da vida dela, que está de parabéns e foi nomeado, pela 2ª vez,  o Nadador Revelação do mês de Março.

Parabéns Amiga! Pela dedicação e amor que transmites dia após dia ao teu filho!

Admiro-te muito!

Beijinhos para vocês e espero que gostes desta imagem. Acho que está fabulosa! soberba mesmo!

 

LINDO!



publicado por Sheila às 02:40
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Quinta-feira, 9 de Abril de 2009
O meu Miminho para vocês!

Olá :)

 

O Doce Refúgio faz hoje um mês!

Tenho passado momentos muito giros... a rir-me do que vou publicando, adorando conhecer pessoas novas, deliciada pelas vossas visitas, pelos vossos comentários e principalmente pela troca de opiniões que tenho tido com todos!. Em suma tenho-me sentido muito feliz por aqui... e em particular convosco!

 

À falta de vos conseguir enviar as amêndoas e os ovinhos de Páscoa, deixo assim ficar o meu Miminho de Páscoa:

 

 

Dedico este Mimo a todos os meus amigos e os que me visitam e deixam palavras doces de carinho!

 

Aos AMIGOS ESPECIAIS que me têm acompanhado diariamente, os quais destaco:

 

green.eyes

Blue Eyes

MIGUXA

100timento

Just Moments

Sugar

azuldoceu

Joana

cuidandodemim

miúda

tn

fairyland

pingodemel

jangadadecanela

Sorrisoduplo

mamaepedro

sonhandoaosquarent...


Um grande Bem Haja a todos do fundo do meu coração!

 


sinto-me:

publicado por Sheila às 01:51
link do post | comentar | ver comentários (31) | favorito
|

Segunda-feira, 6 de Abril de 2009
Memórias!

 

Passou

Passou mais um dia...

E o que ficou?

Talvez mais uma preocupação?

mais uma arrelia?

mais uma frustração?

mais um desejo bem patente

de uma outra realização,

do meu anseio de ser diferente.

Vagueia assim o meu pensamento,

quando decorre mais um momento

e, de novo, passou...

tento apagar a sombra do tempo

e procurar o que restou.

Mas como?

Como balançar o que se fez?

Se o que se passou foi só uma vez!

Vencer todas as barreiras,

ultrapassar-me no além,

galopar o desejo de melhor,

não será caminhar bem?

E em tudo uma interrogação!

É sempre a mesma conclusão!

Penso assim e melhor,

quando abstraída do que me interroga,

quando convencida da face diferenciada,

da minha vida complicada!

Embora muito sonhadora

consigo viver neste nosso planeta

que tantos dissabores nos traz,

dia após dia...

Para quê evidenciar um defeito...

exaltar uma virtude,

se os dois elementos

sintetizam a mesma realidade?

É da fusão desta dualidade

que se caracteriza a personalidade

e não pretendo confundir,

nem subtrair

a minha potencialidade!

 

Escrevi isto em Fevereiro de 1989, tinha quase 15 anos e passava uma fase difícil da minha vida... talvez fossem coisas dessa idade...

Confesso que há situações das quais já não tenho lembrança. Temos a capacidade de "aninhar" vivências em recônditos espacinhos da nossa memória!

Resta-me um pequeno livro de memórias onde passados estes anos posso reviver uma parte que já não está presente de mim!

 

Dedico este post à minha doce amiga Sugar!

 



publicado por Sheila às 22:37
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

Quarta-feira, 1 de Abril de 2009
A minha partidita de hoje!

Ah pois é! E nem é por ser hoje dia das mentiras... mas por ser bem humorada e muito "gozona" (leia-se no bom sentido claro!) que preguei uma partidita a alguns amigos!

 

É conhecida a minha vontade de abraçar um novo rumo profissional. Não estou mal mas podia (e merecia lol) estar melhor... e como nunca é tarde para acreditar ou pelo menos sonhar... lancei a escada...

 

Enviei esta madrugada o seguinte email:

 

Olá Amigos

 

Não vos disse nada antecipadamente, porque foi difícil tomar esta decisão.

Infelizmente, gostaria de comunicar a todos que vos vou deixar para agarrar uma oportunidade.

 

Sei que nada se constrói sozinho e, principalmente, sem ajuda de amigos como vocês, por isso vou sentir saudades de todos.

 

Desejo-vos grandes conquistas na vida! Lutem e façam a diferença.

 

Sejam humildes sempre... e nunca se esqueçam de mim.

 

A minha escolha é apenas por uma melhor qualidade de vida e oportunidade de crescimento profissional.

 

Parto em breve para o Brasil. A decisão que tomei deve-se ao facto de ter respondido ao anúncio em anexo, o qual faço questão de vos enviar para perceberem como tenho razão na minha decisão!

 

Sheila

 

As reações do "people" foram hilariantes... tanto escritas como face to face... (pois porque que tive que pagar o "susto" de uma colega com uma cápsula de nespresso lol)

 

Aqui ficam algumas desses reacções

 

* "Boa ! Parabéns! Leva-me contigo ;-)"

* "Parva. :-) Assim que vi Brasil  e anúncio percebi, mas mesmo assim... :-) Bjo."

* "Então já estás em modo de diversão pelo facto de ser 1 de Abril?!? :P Beijo!"
* " Só tu! E não é que acreditei mesmo... gostava que tivesses visto a minha cara... completamente parva a ler o teu texto! ehehehe Boa partida... a tua cara mesmo! Bj

* "PARVA!!!"
* "Fazes é mal em não ir! :D"
* "Olá Linda, Desejo-te a maior sorte do mundo depois vou visitar-te...MAS A COIMBRA,  POIS HOJE É DIA 1 DE ABRIL, Beijos"
* " ihihi e logo tu que detestas cerveja... "

* "não vás! fazes cá falta :P"

* "Eh pá ca susto gaja! Acabei por cair que nem uma pata... até ver o anúncio claro! Grande gargalhada que mandei. Só por isso valeu a pena receber o teu email! Mas foi um susto na mesma! Acho q no dia que te vás embora ninguém acredita ahahhahaa :P Gde Beijo!"

 

E agora o tal anúncio...

 


sinto-me: divertida!

publicado por Sheila às 11:41
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|

Domingo, 22 de Março de 2009
A importância dos Amigos...

 

 

... em agradecimento ao teu email...

Beijo terno e eterno!


música: Ez Special - Chama por mim

publicado por Sheila às 01:51
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 20 de Março de 2009
Prometes-me o teu sorriso?

Mesmo que o teu coração chore,

e nele a tristeza morre... Sorri!

Ainda que o mundo seja cruel

para ti que lhe és fiel... Sorri!

Se o sol não nasce no horizonte

e não acaricie a tua fronte... Sorri!

Mesmo que te sintas só e triste

e penses que o amor não existe... Sorri!

Ainda que para sorrir não tenhas nenhum motivo

Eu te peço, querido "D"... Sorri!

 

A tristeza do teu coração vais espantar!

O mundo podes vir a conquistar!

o sol que irradia do teu sorriso

os outros poderá iluminar!

 

Com o teu terno sorriso,

o coração de alguém vais conquistar.

 

Recordar não vai ser preciso!

Terás um amor real

ou pelo menos tens que acreditar...

Ele existe! E sabes de uma coisa?

Precisa somente do teu sorriso

para se manifestar!

 

Sorri!

 

Pois não estás só!

Tens muitos amigos.

(tens esta amiga que está aqui)

E...

... que te continua a pedir... SORRI!

 

Todos precisamos do teu sorriso e de ti!

 

Beijinho de boa noite! E amanhã lá nos encontramos no sitio do costume!



publicado por Sheila às 01:58
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Alma Solitária...

Alma Solitária

Vagueando pelas ruas

buscando um pouco

de atenção e carinho.

Olhos molhados

presos em sonhos

que por minutos se misturam

com a realidade.

Faces polidas

à procura de amor e compreensão

num mundo de egoísmo...

Na inocência de um olhar,

na frescura de um beijo

uma alma ressuscitou da incerteza

de um caminho vago.

O que parecia ser o mais seguro,

a mais sólida plataforma da vida,

tudo se desmoronou

assim de repente,

de uma hora para a outra.

O que parecia ser, deixou de ser!

Já não era mais!

E nem nunca poderia voltar a ser.

Ela tinha aparecido!

Tu estavas feliz...

era o teu porto de abrigo!

E desististe de tudo

para ficar com ela!

É triste o presente.

Foi feliz o passado.

O futuro é uma incógnita!

Mas tenho a certeza que ainda

serás MUITO FELIZ!

 

Basta acreditares!

 

Beijo muito doce para ti "DR"

 



publicado por Sheila às 01:40
link do post | comentar | favorito
|

* mais sobre mim
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!
* Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


* posts recentes

* Raros Melhores Amigos

* Epílogo de uma história.....

* Ciúmes!

* Amizade Colorida

* Amor e Paixão...

* Paixões tardias...

* SER POBRE...

* Amigo não tem defeito!

* A PARTIR DO PRÓXIMO AMANH...

* Nadador Revelação

* O meu Miminho para vocês!

* Memórias!

* A minha partidita de hoje...

* A importância dos Amigos....

* Prometes-me o teu sorriso...

* Alma Solitária...

* arquivos

* Maio 2013

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* tags

* todas as tags

* favoritos

* Chocolate

* Destino

* FoodScapes - Absolutament...

* O tempo voa...

* Escrever a Vida em Capítu...

* Afastamentos

* As Surpresas da Vida

* Momentos de Ternura

* A força da nossa vitória

* Orgasmo da Vida

* links
* Doces Miminhos
* pesquisar
 
* Doces Visitas (desde 9 MAR 2009)
Hit Counter
* Playlist


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

* Time



More Cool Stuff At POQbum.com

* Contador de Doces Refugiados
free counters
eXTReMe Tracker
* Doces Refugiados (desde 3 ABR 2009)
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!