Sexta-feira, 30 de Abril de 2010
Imagine!

 

Faz–de-conta que o tempo é uma varanda

voltado para um pátio circular:

faz-de-conta que em canto de ciranda

regressamos ao cais de regressar. 

 

Faz-de-conta, nas águas do destino,

um aquário de luas nos espera:

faz-de-conta que um canto repentino

traz de volta uma antiga primavera. 

 

Faz-de-conta que esta contradança

nas varandas do nosso coração

reacende os sóis de antigamente: 

 

Faz-de-conta que os rios da lembrança

reacendem a flama da canção

neste pátio-passado – tão presente.

 

Maria de Lourdes Hortas

 

Obrigado de coração a todos os amigos que me deixaram mensagens de força no post anterior.

Na próxima semana a Inês vai ter uma nova consulta de oftalmologia com outro médico... cada vez sou mais adepta no pedido de segundas opiniões :)

Rapidamente darei resposta aos vossos comentários. Obrigado pelo vossa estima e carinho.

Faço votos para que tenham um feliz fim de semana



publicado por Sheila às 16:45
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 26 de Abril de 2010
Vida Colorida?

 

Se há dias em que sentimos a vida como um belo jardim florido, há outros em que a sentimos como uma rosa cheia de espinhos.

Dizermos que estamos bem é, por vezes, meio caminho andado para que, de um segundo para o outro tudo vire, sem que o tenhamos provocado. Apesar de sabermos que devemos estar preparados para tudo, a verdade é que nunca estamos. 

O que é certo é que, de tempos a tempos, a vida confronta-nos com pequenos dissabores, pequenas rasteiras e algumas preocupações. Nestes dias há que manter a cabeça fria, e apelar a todo o optimismo possível e imaginário.

 

A minha Inês vai mesmo ter que usar óculos para sempre. O grau de miopia é enorme e é incrível como nunca se queixou ou deu um alerta em relação a isso. Este fim de semana e através de perguntas ocasionais do "ali ao fundo o que vês?" e "consegues ler?", deu para chegar à conclusão que o seu grau de miopia é enorme... e que se ela não vê a partir de uma certa distância como poderia ela própria perceber que estava a ver mal se simplesmente não via. O mais estranho é que aos 6 anos fez um despiste e não tinha qualquer problema, como é que em 2 anos passa do tudo bem para um nível de miopia de 1,5 dpt em cada olho? Assustador!

 Os sentimentos numa cabeça de 8 anos são um misto em achar engraçado e a preocupação em fazer certas actividades da sua rotina. Ainda não sei como vai ser no dia a dia. Será uma mudança grande, mais uma responsabilidade tão prematura.

Nós pais, se pudessemos, davamos tudo para evitar que os nossos filhos sofressem e não tivessem que passar por determinadas situações. A vida troca-nos as voltas e saber vivê-la passa por conseguir ultrapassar as dificuldades que ela nos trás.

 

Como já ontem disse à minha princesa, vamos comprar dois pares de óculos SUPER COOLS... qual deles o mais giro e tenho a certeza que esta mudança a vai ajudar a ver a vida mais colorida!

 

Desejo-vos uma óptima semana!

 



publicado por Sheila às 18:37
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Quarta-feira, 21 de Abril de 2010
Intuição

"Vejo a intuição como um atributo da alma, um dom guardado entre o coração e a cabeça, para lá da inteligência e da razão.

Uma espécie de voz acima da realidade, como um balão a gás quente que consegue ver mais longe do que o olhar alcança, um código de barras que se descodifica a ele próprio, um telescópio da anatomia dos sentimentos, porque tem muito mais a ver com o que se sente do que com o que se pensa, com o que se imagina do que com o que se vê, com o que se teme do que com o que se deseja, sentindo como certo aquilo que o entendimento ainda não captou.

E é por isso que, quando o alarme começa a tocar, primeiro baixinho em tom de aviso, e depois, cada vez mais alto até me ensurdecer com a evidência que se aproxima, respiro fundo para ganhar forças e lembro-me que o futuro não é mais do que a projecção das sombras do meu passado, um lugar cómodo para arrumar os sonhos, no qual a imprevisibilidade e o mistério reinam e onde, talvez e apenas aí, a intuição descanse da sua sabedoria.

Prefiro ter o dom da intuição a esperar placidamente pelo desconhecido, mesmo quando o desconhecido me traz todos os sonhos numa bandeja".

 

Margarida Rebelo Pinto in "O dom feminino" 

  Esta definição de intuição reconforta-me e dissipa esta preocupação que sinto.

 

Com grande pena minha, hoje não tive oportunidade de passar por aqui e deixar uma mensagem de Parabéns ao meu Papá que festejou a linda capicua de 77 anos! Adoro-te Pai, és muito especial e importante para mim. Felizmente continuo a poder dizer-te isto pessoalmente e o meu maior desejo é continuar a faze-lo e a sentir-te bem perto por muitos e bons anos ainda. Que a saúde seja tua companheira.

 

Tem sido uma semana difícil e estou desejosa que acabe! Hoje o dia foi demasiado preenchido e stressante e o de amanhã vai ser outro assim.

De manhã a minha Inês vai ao Oftalmologista e tenho a sensação que terá que passar a usar óculos... tadita está preocupada. Se aos 5 anitos queria usar óculos... hoje com 8 anos não está achar piada nenhuma à situação. Iremos conhecer o veredito daqui a umas horas.

 Hoje vou dormir a Lisboa (detesto viajar sozinha) e 5ª feira tenho uma conferência em Lisboa das 8h30 às 18h (arrghhhh)... ainda esteve suspensa por causa do vulcão, mas hoje confirmaram a sua realização. (hmmm). Neste dia o meu pai vai ser operado aos olhos e não poderei cá estar para dar apoio. Sinto o coração pequenino só de pensar mas, apesar de tudo, o meu pensamento e a minha força vão estar cá com ele. A minha intuição diz-me que vai correr tudo bem!

Há semanas dificieis... mas se a vida fosse monótona não teria a mesma piada e não seria a mesma coisa!!!!

 

Doce Refúgio, até 6ª!  

 

Feliz Aniversário Nuno

desejo que tenhas um dia mágico e muito feliz :)



publicado por Sheila às 01:15
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Segunda-feira, 19 de Abril de 2010
Bitchus Maus

 

 

Qualquer 2ª feira é, já de si, um dia particularmente difícil e quando convivemos (ou somos obrigados) com pessoas que não admiramos... ui é hiper mega difícil mesmo!

Há dias (como hoje!) que tenho vontade de dizer a algumas pessoas que conheço “ tira lá essa máscara de cima... e assume o que és”, mas logo a minha voz interior me sussurra que é pura perda de tempo, até porque estas pessoas já devem ser o suficientemente infelizes consigo próprias... fazer parecer aquilo que não são também não deve ser fácil (ME-DO!).

Mas será que estas pessoas não se tocam e pensam que chegará o dia em que são desmascaradas e flagrantemente apanhadas no seu próprio enredo?

É (arrepiantemente) incrível!

Há pessoas esquivas, que não consigo olhar nos olhos. São pessoas pouco transparentes, sonsas e estranhas. Causam-me um desconforto imenso e elevam ao máximo o barómetro da minha desconfiança. O maior problema começa quando temos que trabalhar com este tipo de pessoas, as estranhas, sonsas, falsas e perigosas, mas que se apresentam sob um manto de simpatia e sorrisinhos.

Gente má, sem princípio (s), meio e fim.

O Óscar Wilde tinha muita razão nesta sua frase "as pessoas más seriam menos perigosas se não carregassem dentro de si alguma bondade".

... e tenho dito!

 

Boa semana... e sem “bitch(us) maus” de preferência!



publicado por Sheila às 15:58
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Domingo, 18 de Abril de 2010
Acima de tudo...

 

Um beijo enorme de PARABÉNS à minha doce amiga Segredos!!!

 



publicado por Sheila às 03:05
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sexta-feira, 16 de Abril de 2010
Dont' forget (#1)

 

As dificuldades e obstáculos, se forem devidamente compreendidos e aproveitados,

podem frequentemente tornar-se uma inesperada fonte de força.

Quando lemos as biografias dos grandes mestres é comum descobrirmos que, se não

tivessem defrontado estas dificuldades e obstáculos, não descobririam as forças

necessárias para se erguer acima deles.

 

                                                                                                                                          Sogyal Rinpochê

 

 Verdade é que quando ultrapassamos uma dificuldade, sentimo-nos muito mais

vivos e ganhamos uma confiança incrível. É nas dificuldades que consolidamos muito

de nós próprios. Importante é nunca desistir e nunca, MAS NUNCA, deixarmos de acreditar

nas nossas capacidades!

 

Excelente Fim de Semana!

 



publicado por Sheila às 15:07
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Quinta-feira, 15 de Abril de 2010
Nós...

 

Na verdade, somos uma só alma, tu e eu.

Nos mostramos e nos escondemos

tu em mim, eu em ti.

Eis aqui o sentido profundo

da minha relação contigo,

Porque não existe, entre tu e eu,

nem eu, nem tu...

 



publicado por Sheila às 14:32
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quarta-feira, 14 de Abril de 2010
Today's Mood (#1)

 

Um pensamento inspirador para suportarmos a muita chuva

que está prevista para os próximos dias...

Volta Sol... 'tás perdoado! lol

 



publicado por Sheila às 18:26
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Desilusão...

 

Com os meus amigos aprendi que o que dói às aves

Não é o serem atingidas, mas que,

Uma vez atingidas,

O caçador não repare na sua queda.

 

Daniel Faria / Pórtico

A casa dos cefeiros

 

 GOD como isto é bem verdade!

 



publicado por Sheila às 00:26
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 13 de Abril de 2010
Partilha

 

"Se dois homens vêm andando por uma estrada, cada um com um pão, e,

ao se encontrarem, trocarem os pães, cada um vai embora com um.

Se dois homens vêm andando por uma estrada, cada um com uma ideia,

e, ao se encontrarem, trocarem as ideias, cada um vai embora com duas"

 

(Provérbio chinês)

 



publicado por Sheila às 15:17
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Domingo, 11 de Abril de 2010
Ritmos...

 

"O ritmo que imprimimos à vida e ao que fazemos é o resultado daquilo que somos e sentimos em cada momento da nossa vida.

Esse ritmo da vida não é sempre igual, vamos adaptando o nosso ritmo ao trabalho que temos, ao tempo que temos, à disposição com que nos encontramos, ao espaço onde nos movemos, ao cansaço que sentimos, à força que conseguimos encontrar dentro de nós, ao grupo em que nos inserimos, às relações que estabelecemos, aos sonhos que queremos conquistar, etc…

Os nossos ritmos variam, é impossível manter um ritmo constante, afinal de contas não estamos sempre com a mesma disposição e com o mesmo nível de trabalho ou cansaço, e o ambiente que nos rodeia também muda.

 

Cada pessoa tem o seu ritmo próprio, logo quando duas ou mais pessoas estabelecem uma relação, seja um grupo de trabalho ou uma relação pessoal, os ritmos das pessoas vão jogar um papel importante no sucesso dessa relação.

Os ritmos apesar de distintos, numa relação têm de se manter minimamente compatíveis, para que seja possível manter os intervenientes motivados para continuarem a investir nessa relação que estão a construir e a viver. Têm de existir capacidade e espaço, para que cada pessoa possa adaptar o seu ritmo, e para que seja possível encontrar em conjunto um ponto de equilíbrio entre os ritmos. Por isso é que muitas relações, a dois ou num grupo alargado, acabam por não funcionar, porque os ritmos são incompatíveis e porque quem faz parte dessa relação não procura ou não consegue encontrar esse tal ponto de equilíbrio em conjunto com os demais.

 

Na vida tal como na música, o ritmo é importante porque marca a intensidade e a cadência com que queremos viver a melodia que é a nossa vida.

Se queremos produzir música com mais pessoas temos de compreender o ritmo de cada uma, e saber como juntar as melodias de cada um de forma harmoniosa."

 

 ... fica o desejo de uma semana harmoniosamente intensa, ritmada e cheia de melodia!

 



publicado por Sheila às 18:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sexta-feira, 9 de Abril de 2010
Divagações...

 

Há belezas passageiras, disposições acertadas, sentimentos conclusivos.

Também existem visões periféricas, combinações imaginativas, antevisões inconclusivas...

 

Já todos sabemos da dificuldade de agradar a gregos e a troianos.

Mas, mesmo assim, há quem insista no equívoco... lol

 

Há coisas que não têm princípio.

Existem outras que não têm meio.

E ainda existem outras a que se não vê o fim... brrrrr

 

Tudo se altera com o tempo.

Mas o tempo não se cansa nem se esgota.

Há que aproveita-lo ao máximo!

 

Bom fim de semana... e aproveitem ao máximo este Sol maravilhoso wiiiiiiiiii

 



publicado por Sheila às 17:59
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 8 de Abril de 2010
Olhares...

 

Não há olhar mais sensível, mais exacto,

mais ardente, mais revelador e mais latejante,

do que o do toque...

 

Não te esqueças, sobretudo, de olhar devagar...

 



publicado por Sheila às 15:35
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

Domingo, 4 de Abril de 2010
Aprendizagens

 

"Numa aula de Filosofia, o Professor queria demonstrar um conceito aos seus alunos.

Assim, ele pegou num vaso de boca larga e dentro colocou, primeiramente, algumas pedras grandes.

Então perguntou à turma:

- Está cheio? 

Pelo que viam, o vaso estava repleto, por isso, os alunos juntos responderam:

- Sim! 

 O professor então pegou num balde de pedregulhos e virou para dentro do vaso.

Os pequenos pedregulhos alojaram-se nos espaços entre as pedras grandes.

Então, ele perguntou aos alunos:

- E agora, está cheio?

 Desta vez, alguns estavam hesitantes, mas a maioria respondeu:

-Sim! 

 Continuando, o professor levantou uma lata de areia e começou a derramar a areia dentro do vaso.

A areia preencheu os espaços entre as pedras e os pedregulhos.

E, pela terceira vez, o professor perguntou:

- Então, está cheio?

 

Agora, a maioria dos alunos estava receosa, mas, novamente muitos responderam:

- Sim! 

Finalmente, o professor pegou num jarro com água e despejou o líquido dentro do vaso.

A água encharcou e saturou a areia. Neste ponto, o professor perguntou aos alunos:

- Qual o objectivo desta demonstração? 

Um jovem aluno levantou a mão e respondeu:

- Não importa quanto a "agenda" da vida de alguém esteja cheia, ela sempre conseguirá "espremer" dentro, mais coisas! 

- Não exactamente! Respondeu o professor.

O ponto é o seguinte: A menos que você, em primeiro lugar, coloque as pedras grandes dentro do vaso, nunca mais conseguirá colocá-las lá dentro.

- Vamos! Experimente. Disse o professor ao aluno, entregando-lhe outro vaso igual ao primeiro, com a mesma quantidade de pedras grandes, de pedregulhos, de areia e de água.

O aluno, começou a experiência, colocando a água, depois a areia, depois os pedregulhos e por último, tentou colocar as pedras grandes.

Verificou, surpreso, que elas não couberam no vaso. Ele já estava repleto com as coisas menores.

Então, o professor explicou para o rapaz: 

- As pedras grandes são as coisas realmente importantes de sua vida: seu crescimento pessoal e espiritual. Quando você dá prioridade a isso e mantém-se "aberto" para o novo, as demais coisas se ajustarão por si só: os seus relacionamentos (família, amigos), as suas obrigações (profissão, afazeres), os seus bens e direitos materiais e todas as demais coisas menores que completam a vida. Mas, se você preencher sua vida somente com as coisas pequenas, então aquelas que são realmente importantes, nunca terão espaço em sua vida.

Recomece. É uma boa sugestão.

Esvazie os seus vasos (mental, emocional) e comece a preenche-los com as pedras grandes.

Ainda há tempo!"



publicado por Sheila às 00:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sexta-feira, 2 de Abril de 2010
Vida

 

Temos, todos que vivemos,

Uma vida que é vivida

E outra que é pensada,

E a ínica vida que temos

É essa que é dividida

Entre a verdadeira e a errada

 

Fernando Pessoa

 

Mesmo entre o que é verdadeiro e errado, o importante é viver e

não perder nunca essa capacidade!

 

Feliz Páscoa para todos!

 



publicado por Sheila às 15:52
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

* mais sobre mim
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!
* Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


* posts recentes

* Cats Love

* O que procuramos?

* Querida Cátia :)

* Há coisas que nos passam ...

* Estou uma lamechas...

* Há dias como o de hoje…

* Delicia :)

* 4 meses e meio :)

* Tiroidectomia Total – 2 m...

* Tiroidectomia Total

* Vida

* Adoro...

* Imprescindível...

* Amar...

* Espera...

* Arrependimentos...

* arquivos

* Maio 2013

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* tags

* todas as tags

* favoritos

* Chocolate

* Destino

* FoodScapes - Absolutament...

* O tempo voa...

* Escrever a Vida em Capítu...

* Afastamentos

* As Surpresas da Vida

* Momentos de Ternura

* A força da nossa vitória

* Orgasmo da Vida

* links
* Doces Miminhos
* pesquisar
 
* Doces Visitas (desde 9 MAR 2009)
Hit Counter
* Playlist


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

* Time



More Cool Stuff At POQbum.com

* Contador de Doces Refugiados
free counters
eXTReMe Tracker
* Doces Refugiados (desde 3 ABR 2009)
Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!